Clique aqui para você conhecer mais sobre essa apostila e concluir sua compra !

|| LINK DAS AULAS ||

Aula 2
O Estudo

Aula 3
Digitação

Aula 4
Simbologia

Aula 5
A prática

Aula 6
Escalas

Aula 7
Noções Teóricas

Aula 8
Leituras e Batidas

Aula 9
Escalas: Parte II, Sequências, Considerações Finais e Término do Curso

  Mini-Curso Básico de Cavaquinho
                        
    Guia de introdução para Cavaquinho

Introdução:

Alo moçada! Chegou a hora!!!

Sejam bem vindos ao mundo das quatro cordas.

Bem, a partir de agora estaremos juntos, passo a passo desenvolvendo nossas vocações, dons e habilidades musicais.
Você que ainda não toca prepare-se; Você que já tem uma noção nos acompanhe.
Você que já toca e quer se aperfeiçoar não perca tempo.
Dos princípios básicos, às técnicas mais ousadas, vamos procurar tratar com muita objetividade, clareza, simplicidade e atenção aos detalhes.
Vale lembrar que:
Suas influências vão pesar muito, por isso seria ótimo
Ter um bom repertório; Torna-se indispensável o acompanhamento de um profissional para seu melhor desenvolvimento.

Boa sorte a todos e mãos a obra.


Humberto Leandro
Administrador do Curso

Capítulo 1: Funções

Antes mesmo de colocar ao mãos no cavaquinho, é importante saber qual sua função num meio musical.
Pois bem, como um instrumento de base(acompanhamento) ou solo, o cavaco sempre está bem acompanhado pelos violoes, banjos,bandolins e companhia limitada.
Nas bases, tem função de dar pegada e um certo preenchimento, um temperinho a mais. Nos solos e chorinhos dita a melodia esbanjando técnica e sendo acompanhados pelos demais,de modo que as formas de se ''interpretar'' uma peça diferencia cada musico.


Apresentação

Cavaquinho1-caixa acústica
2-tampo
3-casa
4-cavalete
5-boca
6-tarrachas
7-braço


As cordas estão dispostas desta maneira:

4º ------ Re
3º------- Sol
2º------- Si
1º------- Re

São contadas de baixo pra cima ,assim como os outros instrumentos de corda ,deixando o cavaco afinado em sol maior. veremos o porque quando estudarmos a formação dos acordes.

Observações:

Você que é canhoto, para utilizar esse método e entender melhor suas figuras e posições, troque a mão direita pela esquerda e inverta a ordem das cordas assim: a primeira no lugar da Quarta, a segunda no lugar da terceira e assim por diante.

A Escolha

- do instrumento: é importante não se prender à sua beleza.
Dê mais ênfase ao estado de conservação vendo se não há rachaduras ou se esta empenado.
As melhores madeiras pra cavaco são jacarandá e faia para o corpo, ébano para escala(braço)e O pinho - são vários- para o tampo.
Evite instrumento com muita tinta; prefira os levemente invernizados. das palhetas: as mais comuns são as de numero 50 independente da marca e material.

- Das cordas: os encordoamentos pra cavaco, embora tenha uma certa variedade de marcas e modelos ainda não correspondem as expectativas :os que duram mais não tem tanto som e os que tem som duram pouco.

Obs: a questão de escolha é completamente pessoal, por isso pesquise e veja dentro de sua realidade qual Se encaixa melhor com você.

A outra parte do instrumento: as mãos

Na mão esquerda usamos o polegar como apoio. Os dedos que pressionam as cordas são:
DEDO1:INDICADOR
2:ANELAR
3:MEDIO
4:MINIMO
Na mão direita segura-se a palheta com os dedos polegar e indicador.

OBS: evite encostar a palma da mão esquerda no braço do cavaquinho; do contrario terá dificuldades na movimentação ,não tendo noção dos espaços percorridos.

próximo texto